Fórmula 1

  • Crédito: Getty Images

    Jornais se disseram surpresos por Leclerc terminar à frente de Vettel.

Imprensa italiana "comemora" fim de 2019 para a Ferrari

Segundo principais jornais do país, a única boa notícia é que a temporada acabou
Por: Bruno - 04/12/2019 08:43:01

O 2019 da Ferrari foi encarado com decepção e ironia pela imprensa italiana. Segundo os jornalistas do país, ainda bem que o ano acabou. Eles analisaram a temporada abaixo da crítica da equipe, que teve de amargar uma temporada assistindo Lewis Hamilton e a Mercedes ficarem com as glórias.

O ano mediano da escuderia foi analisado pelo jornal La Repubblica. Segundo a publicação, o fim da temporada 2019 foi um alívio. E as perspectivas para 2020 não são animadoras. Sobrou até para o parque temático que a montadora tem em Yas Marina. De acordo com o La Repubblica, Abu Dhabi é o único lugar onde a Ferrari tem condições de vencer.

“Leclerc termina à frente de Vettel no Mundial. Quem imaginaria isso? Parece que a única maneira que um fã da Ferrari pode ver uma vitória é indo ao parque temático de Yas Marina e assistir uma corrida de kart. A boa notícia é que a temporada de 2019 terminou, a notícia ruim é que a próxima não promete nada bom. Parece que escrevemos isso no ano passado”, escreveu o jornal.

O Corriere della Sierra abordou de forma negativa a atuação da equipe nos pit-stops. A tentativa da Ferrari de parar os dois pilotos na mesma volta - com a demora de 6s9 para trocar os pneus de Sebastian Vettel - foi citada. Tanto é que o time teve que chamar posteriormente o alemão e de Charles Leclerc para uma segunda troca. A temporada de apenas três vitórias da Ferrari também foi mencionada.

“A troca de pneus na mesma volta é uma operação arriscada, deve ser perfeita como a Mercedes na China e houve um problema com uma porca na parada do Vettel? Quantas vezes isso aconteceu este ano? A parada durou uma eternidade. Depois vem uma nova parada dupla. Sem problemas, mas é uma estratégia inútil e até vergonhosa em comparação aos outros pilotos, que fizeram uma única parada sem dores de cabeça. Graças a deus acabou”, publicou. 

Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade