MotoGP

  • Crédito: Getty Images.

    Dream team com Marc Márquez na Honda jamais aconteceu.

Jorge Lorenzo anuncia aposentadoria

Em baixa na Honda, piloto espanhol decidiu não cumprir contrato até o final de 2020
Por: Murilo - 14/11/2019 11:12:38
590 visualizações

O piloto espanhol Jorge Lorenzo anunciou nesta quinta-feira (14) que abandonará a MotoGP ao final desta temporada.

"Há dias que são importantes na vida de um piloto. Quando você vence sua primeira corrida, quando vence seu primeiro campeonato, e quando anuncia sua aposentadoria. A corrida desse fim de semana vai ser a minha última na MotoGP", disse Lorenzo durante entrevista coletiva em Valência, ao lado de Carmelo Ezpeleta, diretor-executivo da Dorna, promotora do Mundial.

Aos 32 anos, Lorenzo faz uma temporada abaixo da expectativa e os rumores sobre uma aposentadoria precoce (o piloto tinha contrato válido com a Honda até o final de 2020) eram constantes. Ao longo da carreira, o espanhol foi tricampeão da MotoGP ― e penta no Mundial de Motovelocidade.

O melhor momento foi na Yamaha, onde passou nove temporadas e conquistou três títulos, 44 vitórias, 107 pódios e 39 poles. Na sequência, Jorge se aventurou na Ducati, mas, apesar de três vitórias, teve uma temporada frustrante. Depois, rumou para Honda para substituir o ex-rival Dani Pedrosa e formar um dream team com Marc Márquez - o que, porém, jamais aconteceu.

Compartilhe



Veja também...

1 Comentários

  1. ELAN FALCÃODiz:

    QUE BOM! CHEGOU A HORA DE PARAR! DEPOIS DO ACIDENTE GRAVE QUE TEVE E QUASE FICOU PARAPLÉGICO, CHEGOU A HORA DE APOSENTAR. ELE, DAQUI PRA FRENTE, PODE SER UM PROFESSOR DE MOTOVELOCIDADE ENSINANDO QUEM QUISER SE AVENTURAR O ESPORTE. PARABÉNS PELA DECISÃO! ESTÁ NA HORA DE CURTIR A GRANA QUE GANHOU E CURTIR TAMBÉM A FAMILIA! VIDA QUE SEGUE, GRANDE PILOTO!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

Publicidade
Publicidade
Publicidade